O superintendente da Unidade Gestora de Projetos de Energia (UGPE), Elson Andrade, esclareceu em entrevista para a rádio Logos 87,9 FM no programa ‘365 notícias’, no comando dos apresentadores Gilson Nascimento (365 Notícias) e Gilmar Nascimento (Ponto de Vista), sobre os principais avanços do órgão municipal em Manaus.

Em seus destaques foi mencionado pelo superintendente do órgão o progresso da iluminação pública nas comunidades ribeirinhas, pertencentes a área rural de Manaus. “É a primeira vez que houve progresso na iluminação para essa zona da cidade. Há anos os comunitários lutavam para ter acesso ao direito como cidadãos de ter iluminação pública”, disse Elson Andrade.

De acordo com o chefe do órgão, ressalta que a Nossa senhora de Fatima, Tupé e Nova Canaã, foram as três primeiras a ser contempladas com os serviços da UGPE. “Nessas áreas existiam inúmeras famílias em situação frágil pela falta de iluminação pública, bem como as áreas de igarapés”, afirma Andrade.

Outro principal avanço da UGPE foi a modernização da iluminação pública na área urbana, especialmente, aplicação do projeto “Uma Luz Para o Esporte” que beneficiou 100 campos e quadras de poliesportivas, implantando cerca de mil iluminarias em LED.

Ainda para o superintendente Elson Andrade, a preocupação com as quadras, campos e parques, é uma das principais prioridades da gestão da UGPE. “Esses lugares por muito tempo foram pontos de drogas, esconderijos para marginalização, assaltos. Imagina o cidadão não poder passar tranquilo na sua rua, por falta de iluminação adequada? Por essa razão a Prefeitura de Manaus solicitou a urgência para a revitalização das luminárias para LED”, afirma Andrade.

O projeto “Uma Luz Para o Esporte”, faz parte do “Ilumina Manaus”. A iniciativa atende a determinação do Prefeito David Almeida (Avante), projeto que vem garantir a expansão da iluminação em LED a todos os campos, quadras esportivas e parques administrados pelo Município.

*Planos e ação conjunta com Estado*

Nos planos da UGPE pretendem consolidar parceria entre a Guarda Municipal Metropolitana de Manaus e Secretária de Estado de Segurança Pública (SSP), para garantir que não aconteça mais furtos de cabos e fios. “Infelizmente isso vem causando danos sociais, deixando as pessoas desabastecidas com a falta de energia, que em consequência interrompe o sinal da internet, prejudicando comerciantes e pessoas que trabalham em casa. Sem contar a iluminação comprometida, que termina deixando a sensação de falta de segurança”, explica o gestor.

Durante a entrevista o superintendente da UGPM pede a população para que denuncie ou alerte o órgão fiscalizador para identificar a falta de iluminação pública, por meio dos contatos: (92) 996045518, (92) 99693293 ou aplicativo Manaus+Luz.

Os ramais da área rural de Manaus, a exemplo do ramal do brasileirinho, zona leste de Manaus, está entre as prioridades do órgão junto a distribuidora a Amazonas Energia para poder ser implantar a rede de baixa tensão, no objetivo de colocar a iluminação para esses ramais. “Ainda está na fase de discussão com a concessionaria. Vai depender somente dela para colocar em prática a implantação da iluminação pública”, finaliza Elson Andrade.

Deixe uma resposta