O narco traficante João Branco 41 anos, líder da facção (FDN ) teve sua saída do isolamento autorizada para depoimento na 2 Vara do Tribunal do Juri da Comarca de Manaus, marcada para o próximo dia (25) em uma  videoconferência.

Ele cumpre pena em regime disciplinar no Presidio de Catanduva Paraná(PR) a pedido do Ministério Publico do Amazonas, acusado ter mando executar presidiários de um grupo rival PCC no massacre no Compaj no inicio do ano em Manaus. Ele também é acusado de planejar e mandar executar o delegado da policia civil Oscar Cardoso Filho.

Fonte:Redação.

Deixe uma resposta