Joedison Almeida dos Santos foi preso nesta quinta-feira (27), por suspeita de participar do assalto a uma drogaria no bairro Lírio do Vale, Zona Oeste de Manaus, em junho deste ano. Ele estava sendo foragido do regime semiaberto do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj) desde o dia 1º de Janeiro. Outro suspeito do crime, foragido do mesmo presídio, não foi localizado.

Joedison e um homem identificado como Leon Lopes Salgado, que está foragido do regime fechado do Compaj, participaram do roubo, segundo o delegado do 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Paulo Benelli.

O delegado afirmou que as investigações em torno do caso começaram após o dono da drogaria informar a ocorrência de roubo na unidade policial. No dia em questão, as imagens das câmeras de segurança do local foram cedidas para que os policiais identificassem os infratores.

O crime ocorreu no dia 14 de junho. No momento da ação, Joedison e o Leon estavam armados. Eles entraram na drogaria e exigiram que clientes e funcionários entregassem os celulares e dinheiro. Depois de identificar Joedison, o delegado representou mandado de prisão preventiva em nome do jovem.

O mandado de prisão preventiva por roubo foi expedido em nome do jovem no dia 23 de junho deste ano, pela juíza Rosália Guimarães Sarmento do Plantão Criminal. O suspeito foi preso por volta de 7h, na casa onde morava, na Rua São Jorge, bairro Redenção, na Zona Oeste.

Joedison Santos foi indiciado por roubo. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial, o infrator será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Fonte: G1 AM

Deixe uma resposta