Hoje (14/10), a Unidade Básica de Saúde Fluvial Lígia Loyola alcançou  o número de 19.423 atendimentos realizados em 91 comunidades rurais do município de Parintins. Ela foi construída com recursos de Emenda parlamentar do senador Eduardo Braga e com contrapartida da Prefeitura de Parintins. A UBS fluvial atua em todas as regiões do interior levando atendimento médico, de enfermagem, odontologia, nutrição, Assistência Social, laboratório, testes rápidos entre outros serviços.

No início da pandemia da Covid-19, a unidade de saúde ficou ancorada na rampa do mercado, e foi transformada em unidade referência para síndromes respiratórias atendendo os sintomáticos das Comunidades rurais, ou residentes na área central de Parintins. Neste período foram 3.862 pessoas atendidas.

“Não há dúvida que a população dessas 91 comunidades rurais sente-se melhores assistidas com esse serviço inaugurado há exatamente um ano atrás. Isso mostra o compromisso da Prefeitura de Parintins com o homem do interior, levando o serviço de qualidade para todas as regiões da nossa zona rural”, destacou o Secretário de Saúde Clerton Rodrigues .

A diretora da UBS fluvial Adna Batalha falou também do empenho de toda a equipe em levar o melhor em nível de saúde para os ribeirinhos. Ela lembra que até um parto já chegou a ser realizado na Unidade Fluvial, atendimentos de Urgências e Emergências, procedimentos cirúrgicos pequenos, entre outros serviços de relevância. Ela agradeceu a oportunidade reiterando a renovação do compromisso com a saúde pública.

Deixe uma resposta