(Thinkstock/VEJA/VEJA)

Prefeitura lança serie de Ações para o combate a malária, após um aumento de 13% no número de casos no primeiro semestre deste ano relação ao mesmo período do ano passado. Já foram registrados cerca de 3.992 casos até agora. Aproximadamente R$ 3 milhões serão aplicados nessas ações de combate.

Segundo estudos realizados pela secretaria de saúde, a zona rural do rio Tarumã, Puraquequara e as comunidades distribuídas pelas BR-174 e AM-010, que são as áreas mais afetada pela doença.

Cerca de 90% dos casos registrados foram em áreas rurais, próximo a balneários e perto de mata.
“O mosquito fica em água parada e sombreada. Por isso a maioria dos casos são em áreas próximos a estradas, em ramais, áreas que têm características específicas para o crescimento do Anoplpheles”, disse a diretora do Departamento de Vigilância Ambiental e Epidemiológica da Semsa, Marinelia Ferreira.

A verba de investimento de R$ 3 milhões tem origem federal e deve ser aplicado no Plano de intensificação de Controle da Malária em Manaus.

Deixe uma resposta