O prefeito eleito de Manaus, David Almeida (Avante), tem agenda marcada com o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), Mário de Mello, nesta quarta-feira, às 11 horas. Ele vai solicitar que sejam suspensas todas as licitações da Prefeitura que não sejam essenciais para os setores prioritários, como saúde e educação.

David vai solicitar ainda que os atos que gerem qualquer tipo de despesa para a próxima gestão sejam examinados com atenção pelos conselheiros, a fim de não comprometer o orçamento.

Ele e o vice-prefeito Marcos Rotta (DEM) estão acompanhando a tramitação do Projeto de Lei Orçamentária na Câmara Municipal de Manaus e devem apresentar uma série de sugestões aos vereadores.

*Reprodução

Deixe uma resposta