Com o objetivo promover a segurança e ajudar na recuperação de pacientes que já contraíram a Covid-19, o Governo do Amazonas, por meio de secretarias de Estado, tem oferecido serviços de fisioterapia pulmonar a servidores estaduais. O intuito é para proteger e melhorar a qualidade de vida dessas pessoas, além de contribuir com o retorno seguro às atividades.

Entre os órgãos que oferecem o atendimento estão a Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam), Fundação Hospitalar Adriano Jorge (FAHJ) e a Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas). Na Fundação Hemoam, desde o pico da pandemia, o Núcleo de Atenção ao Servidor (NAS) disponibilizou o serviço.

Segundo a fisioterapeuta do NAS-Hemoam, Elene Santos, a fisioterapia respiratória é composta por exercícios que têm a função de reabilitar o músculo pulmonar e melhorar a capacidade funcional e ventilatória, prejudicadas pelo novo coronavírus. “Notamos que a fisioterapia pulmonar gerava um grande diferencial na recuperação não apenas de pacientes que contraíram a Covid-19, mas de todas as síndromes respiratórias, então foi de grande importância poder oferecer esse serviço e ajudar os servidores”, explicou.

No dia 03 de julho deste ano, a Seas passou a oferecer fisioterapia pulmonar a servidores que tiveram Covid-19. As sessões são realizadas às segundas, quartas e sextas e nelas são realizados exercícios de fortalecimento pulmonar e alongamento de todo o corpo. Também há o fortalecimento muscular, consciência corporal, trabalho de coordenação motora e a questão do bem-estar dos servidores.

Ainda este ano, será inaugurado um Centro de Fisioterapia para atendimento aos servidores da Polícia Civil, inclusive aqueles que testaram positivo para Covid-19, caso apresentem necessidade. O projeto já está em andamento e em breve, esses serviços estarão sendo disponibilizados.

Deixe uma resposta